Memorando

O memorando é um tipo textual bastante voltado para o meio comercial. Este tipo de texto é nem marcado por sua objetividade, e o seu uso é predominantemente administrativo. O memorando serve para a comunicação interna entre funcionários, empregados e setores que tenham um nível hierárquico equivalentes ou diferentes, de modo rápido. Para se veicular um memorando em uma empresa não é necessário nenhum tipo de oficialização, por isso que a agilidade de comunicação do memorando é muito maior que a do ofício, por outro lado, ele não possui a mesma formalidade e seriedade.

Estrutura do memorando

Mesmo não sendo um documento oficial, ele ainda possui uma estrutura básica e regras para ser redigido. Além de uma linguagem formal e imparcial, o memorando deve ser objetivo, preciso e claro. O documento deve conter todas as informações necessárias para a comunicação do modo mais sucinto possível, e sempre deve ser estruturado de acordo com um padrão. A estrutura do memorando é composta pelos seguintes elementos, em ordem que devem ser redigidos:

  • Timbre da instituição, órgão ou empresa.
  • Numero do memorando.
  • Remetente: nome do funcionário acompanhado do cargo ou setor emitente.
  • Destinatário: nome do funcionário acompanhado do cargo ou setor destinado.
  • Assunto do memorando.
  • Vocativo: Pronome de tratamento e cargo do destinatário.
  • Texto do memorando.
  • Despedida.
  • Assinatura.
  • Identificação do remetente: Pelo nome e cargo ou setor.
  • Memorando
    4.3 (86.15%) 13 votos