“Soar” e “suar”

A confusão entre “soar” e “suar” é muito comum. Estas duas palavras existem e estão corretas segundo a norma culta da língua portuguesa. A dúvida é muito por conta de se tratar de vocábulos parônimos – são parecidos na escrita e pronúncia, no entanto, possuem significados diferentes.

Como não possuem o mesmo significado, as palavras devem ser utilizadas em situações diferentes:

Soar

O verbo tem a sua origem no latim “SONARE”, sendo assim deve ser escrito com ‘o’. Refere-se ao ato de emitir/fazer/produzir som, vocalizações ou eco. Também significa a ação de divulgar alguma coisa, bem como suscitar ou dar sinal de algo.

Exemplos:

  • Este nome não soa nada bem.
  • Somente abra o portão quando ouvir soar a sirene
  • O sino daquela igreja soa sempre às 18h.

Suar

O verbo tem a sua origem no latim “SAUDARE”, sendo assim deve ser escrito com ‘u’. Refere-se ao ato de transpirar, ou seja, secretar um fluido aquoso e incolor através dos poros da pele. Também significa a ação de trabalhar muito para conseguir algo.

Exemplos:

  • Nesse verão devo tomar mais banhos porque estou suando muito.
  • Tive que suar muito para chegar a minha situação financeira atual.
  • Com esse calor é impossível sair à rua e não suar.
  • 4.8/5 - (107 votes)