“Espiar” ou “expiar”

As palavras “espiar” e “expiar” existem na língua portuguesa e estão corretas. Contudo, elas devem ser usadas em situações diferentes, pois possuem significados diferentes. Apesar disso, as duas palavras são pronunciadas e escritas de forma semelhante, sendo palavras homônimas, causando a maioria dos erros de escrita cometido pelas pessoas.

Espiar

Referente ao ato de olhar e observar atentamente alguma coisa ou alguém para obter informações, sem ser visto, o verbo “espiar” tem sua origem no gótico “spaíhôn”, podendo também significar o ato de mover o navio com espias, numa linguagem náutica,.

  • Pare de espiar a vida dos outros!
  • O menino estava espiando o jogo de futebol por cima do muro.
  • Ela queria espiar o que eu estava comendo na cozinha.

Expiar

Referente ao ato de se redimir dos erros cometido, sofrer as consequências dos seus atos, o verbo “expiar” tem sua origem no latim “expiare”.

  • João fará de tudo para expiar os erros que cometeu no passado.
  • O jogador está expiando uma partida sem jogar devido à trapaça.
“Espiar” ou “expiar”
4 (80%) 2 votos