Humanismo

Apesar de sua importância para a literatura, o humanismo foi muito mais do que um movimento literário, foi uma filosofia que deu base a uma das principais características do renascentismo. O humanismo, como o próprio nome sugere, tem como o principal foco e objeto de importância e estudo o humano, valorizava diversas características humanas que antes não eram muito trabalhadas. A dignidade, os desejos, o potencial e, principalmente, a razão eram pontos do homem que o humanismo tinha como posturas e valores humanos importantes. Foi no período do auge do humanismo que a burguesia ascendeu!

Um filosofia tão forte quanto a humanista com certeza deixa grandes marcas na literatura. A escola literária humanista teve seu auge entre o Século XIV até o final do XV, e foi o movimento que antecede o renascimento, deixando como herança o homem como centro de importância. Os textos humanistas eram em formato de prosas, usadas para doutrinar a nobreza, e em poesias, que eram apreciadas e cultivadas pela nobreza mais jovem. Alguns autores famosos desta escola literária são: Sá de Miranda, Bernardim Ribeiro, João Ruiz de Castelo Branco, Jorge d’ Aguiar, Gil Vicente e Bernardim Ribeiro.

EXEMPLO

(Sá de Miranda)

“Antre tremor e desejo,
Vã esperança e vã dor,
Antre amor e desamor,
Meu triste coração vejo.

Nestes extremos cativo
Ando sem fazer mudança,
E já vivi d’esperança
E agora vivo de choro vivo.
Contra mi mesmo pelejo,
Vem d’ua dor outra dor
E d’um desejo maior
Nasce outro mor desejo.”

Características do Humanismo

Já foi dito que alguns aspectos renascentistas foram herdados pelo humanismo, este movimento literário e filosófico tem alguns pontos muito fortes e que contrastavam muito com o pensamento religioso da época. São características do humanismo:

  • Antropocentrismo: o homem como o centro de tudo, a prioridade de importância
  • Razão: A razão é uma característica do homem que começa a ser valorizada e considerada importante
  • Confronto com a religião: Surgida em um ambiente onde a religião dominava, o humanismo tende a bater de frente com os ideais cristão.
  • Capacidades e anseios humanos: começava a ser colocado em questão os desejos e quais eram as capacidades e possibilidades do homem, onde os humanos queriam ir e o que eles conseguem fazer
  • Principais autores e suas obras

  • Francisco Petrarca – considerado o primeiro grande humanista do Renascimento e um dos italianos de maior renome do seu tempo, Petrarca deixou inúmeras obras em latim. Entre poemas e epístolas destacam-se ‘África’ e ‘sonetos, canções e cânticos’.
  • João Boccaccio – prosador, poeta e humanista. Escreveu, em latim e em italiano, diversos contos, poesias e romances bucólicos. Dentre as suas obras mais notáveis estão ‘Decamerão’ e ‘Da Genealogia dos Deuses’, este último um dos mais completos estudos sobre a mitologia grega.
  • Luís Vaz de Camões – considerado uma dos maiores nomes da literatura em língua portuguesa, Camões faz parte do seleto grupo de grandes poetas do Ocidente. ‘Os Lusíadas’ é, sem dúvida, a sua obra mais conhecida. Na epopeia nacionalista, o poeta português atinge a harmonia entre experiência prática e erudição clássica.
    Humanismo
    5 (100%) 5 votos